A Medicina Ortomolecular feita da maneira certa!

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Evite a azia com dicas simples


Sabe aquela sensação de queimação desconfortável no estômago, que aparece de vez em quando? É a azia, e ela incomoda muita gente com frequência.  A queimação que sobe do estômago até a garganta surge quando uma válvula do esôfago (“tubo” que liga a boca ao estômago) não funciona bem. As grávidas também são candidatas a sofrer com a queimação. Nos primeiros meses, ocorre uma alteração hormonal que favorece o retorno da acidez pelo mau funcionamento da válvula. Conforme a barriga cresce, há uma pressão que também colabora para que o conteúdo gástrico fique voltando até a garganta. Para acabar com este mal, algumas medidas devem ser tomadas. Confira as principais dúvidas e acabe com a azia:

O que fazer para minimizar a azia?

Antes de tudo é necessário consultar um médico para avaliar, fazer os exames necessários e, caso seja preciso, fazer uso de medicamento indicado pelo profissional. Ele também poderá ajudar na organização da dieta, e outros cuidados.  Normalmente, é preciso evitar alimentos gordurosos, evitar consumo frequente de café, chá preto, chocolate e refrigerante. Manter refeições em horários regulares – nada de jejum prolongado.  Alguns cuidados na rotina, como elevar a cabeceira da cama e para de fumar, também aliviam o sintoma. Excesso de peso pode aumentar a probabilidade dos sintomas.

Existe algo que se deve comer quando se está com azia para minimizar o problema?

Na verdade, há o que não se deve comer. As pessoas também podem usar o bom senso, identificar o que mais provoca o desconforto e evitar o consumo desses alimentos.  Deve-se ter cuidado com o leite, o que tanto falam que minimiza os sintomas da azia – o tal leitinho gelado. Na verdade, o consumo do leite deve ser avaliado. A bebida até tem o pH baixo, o que neutraliza a acidez estomacal; no entanto, é rica em cálcio - mineral que estimula a produção de ácido gástrico pelo estomago. Ou seja, o alívio é momentâneo. É bom conversar com seu médico.

Qual a influência da alimentação na ocorrência da azia?

Não só a alimentação como os hábitos ligados à alimentação influenciam na azia. Comer rápido, não mastigar direito, horários desregulados, tudo pode agravar. Outra coisa, quem exagera no prato também corre maior risco de ter azia. Quanto maior o volume de alimentos ingeridos de uma só vez, maior o risco que o suco gástrico atinja o esôfago. Outra coisa é o consumo de líquidos durante a refeição – deve ser evitado.

Como funciona a dieta para evitar a azia?

Seguindo as dicas acima é possível minimizar os desconfortos. Uma dieta saudável e balanceada é uma grande aliada. O consumo de verduras, legumes e frutas; e nada de alimentos condimentados e frituras.


Nenhum comentário:

Postar um comentário