A Medicina Ortomolecular feita da maneira certa!

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Os benefícios das nozes para o emagrecimento


Pequenas, porém, muito saudáveis! Assim podem ser definidas as nozes que, atualmente, fazem parte da alimentação de muitas pessoas: algumas optam por consumi-las diretamente (ou seja, comendo uma ou mais unidades por dia); outras, por incluí-las em receitas salgadas ou doces.

Mas, apesar de fazerem muito sucesso na cozinha brasileira, as nozes ainda geram algumas dúvidas, como, por exemplo: existem diferentes tipos de nozes? Como consumi-las? Elas engordam?

Pesquisas feitas por cientistas americanos, mostram que comer uma pequena porção de nozes ajuda a diminuir o mau colesterol (LDL), reduzindo assim a possibilidade de ataques cardíacos. A noz é rica em proteína, gordura monoinsaturada e sais minerais como magnésio, cálcio e zinco, além de ser rica em fibras.

Este alimento também tem outro componente fundamental para a saúde: a vitamina E, um antioxidante natural que ajuda a combater os radicais livres e segundo estudos feitos também nos Estados Unidos e na Holanda, mostra que pessoas com mais de 65 anos, que consomem vitamina E com regularidade, tem menos propensão a desenvolver o Mal de Alzheimer, que provoca a perda progressiva da memória.

Os estudos revelam ainda que a vitamina E encontrada nas nozes, é a alfa-tocoferol, considerada o tipo desta vitamina que melhor é absorvido pelo organismo. E as nozes não são uma preocupação para quem está em busca de uma melhor forma física, pois uma pequena porção tem em torno de 160 calorias.

A quantidade de noz diária recomendável é de seis a dez nozes apenas. Para driblar a questão de peso, existe uma tática: dividir as porções de nozes ao longo do dia. 


Fonte: Dicas de Mulher e Saúde Plena

Nenhum comentário:

Postar um comentário