A Medicina Ortomolecular feita da maneira certa!

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Quanto mais picante melhor: turbine sua dieta com pimenta


A pimenta é comprovadamente eficaz para prevenir dores de cabeça, má digestão, colesterol alto e doenças circulatórias. A novidade é que o condimento também é um ótimo aliado na sua dieta, pois ajuda a emagrecer.

Cientistas de universidades do Canadá e Holanda estudaram os efeitos da pimenta no organismo. Eles descobriram que a pimenta ajuda a queimar a gordura do organismo, porque é rica em capsaicina, uma substância termogênica que dá a sensação de ardência. Logo, quanto mais ardida a pimenta for, mais capsaicina ela possui, e maior será o efeito de queima de gordura.

A capsaicina age no organismo fazendo com que o aparelho digestivo trabalhe mais para absorver os nutrientes dos alimentos. Para isso o organismo acaba gastando os depósitos de gordura, além de aumentar a temperatura corporal que resulta e maior queima de calorias.

Em uma pesquisa em que foi servida uma entrada apimentada durante uma refeição, os voluntários acabaram gastando 200 calorias a mais para digerir a comida, comprovando assim a eficácia da substância termogênica. Além disso, a pimenta também reduz a formação de gases e melhora a produção do suco gástrico. Só está contra indicada para pessoas que sofrem de gastrite ou úlcera.

Nenhum comentário:

Postar um comentário