A Medicina Ortomolecular feita da maneira certa!

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Controle o apetite com alcachofra


O consumo da alcachofra não é muito comum aqui no Brasil, mas o vegetal é repleto de nutrientes e benefícios para o organismo, entre eles, o controle do apetite e a regulação do colesterol. Confira, a seguir, os seus principais benefícios:

Age contra o colesterol

Ela possui cinarina, uma espécie de ácido que tem ação direta no fígado, ajudando-o a deixar a digestão das gorduras ainda mais eficiente. Como benefício, evita-se que as moléculas de gordura tenham como destino a corrente sanguínea. Outro poderoso aliado contra o colesterol é a inulina, a qual atrai as moléculas de gordura e estimula sua eliminação por meio das fezes.

Controla o apetite

As fibras da alcachofra demoram a ser eliminadas, permanecendo mais tempo no estômago. Por retardar o esvaziamento gástrico, a planta prolonga a sensação de saciedade por mais tempo, espantando a fome fora de hora.

Contribui para afastar a prisão de ventre

Suas fibras dão uma força ao peristaltismo, estimulando a eliminação das fezes. Além disso, elas também protegem a mucosa do intestino e previnem diversas doenças, como por exemplo o câncer de cólon e determinadas inflamações na região do intestino.

Combate a diarreia

Isso graças aos taninos, compostos presentes no metabolismo de alguns vegetais. Ao serem consumidos com proteínas, eles formam complexos que agem contra bactérias e fungos, podendo não apenas driblar a diarreia, como também frear intoxicações alimentares. Para completar, a alcachofra possui uma fibra chamada inulina, que é resistente às ações das enzimas presentes na saliva e no intestino. Por esse motivo, ela chega ao intestino grosso intacta e ajuda a proteger a flora intestinal.

Potencializa a cicatrização

As estrelas aqui também são os taninos, que, em conjunto com as proteínas, formam uma camada protetora sobre os tecidos lesionados. Para intensificar a ação da alcachofra sem prejudicar a saúde, invista no consumo de fontes de proteína que venham acompanhadas de pouca gordura, como leite desnatado e queijo branco.

Grávidas podem consumi-la

Cozida pode ser ingerida com tranquilidade. Entretanto, grávidas estão proibidas de consumir aqueles fitoterápicos à base da planta que são vendidos em farmácias. Essas cápsulas possuem alta concentração de alcachofra e podem prejudicar o processo de formação do bebê.

Melhora no trabalho dos rins

A alcachofra contém baixa quantidade de sódio, mineral que potencializa a retenção de água e provoca inchaço abdominal. Em compensação, a planta possui muito potássio, mineral importante para a regulação hidroeletrolítica. Assim, os rins trabalham melhor e eliminam o excesso de água.


Fonte: Viva Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário